Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está aqui: Últimas Notícias > Governo Federal libera financiamentos para aquisição de ônibus em sete cidades do Rio de Janeiro
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Governo Federal libera financiamentos para aquisição de ônibus em sete cidades do Rio de Janeiro

  • Publicado: Sexta, 29 de Novembro de 2019, 19h57
  • Última atualização em Terça, 03 de Dezembro de 2019, 20h20

Empresas que atuam no transporte público em Belford Roxo, Duque de Caxias, Itaguaí, Nilópolis, Nova Iguaçu, São João do Meriti e na capital carioca terão acesso a R$ 27,4 milhões por meio de programa do MDR

29 11 Refrota RJBrasília-DF, 29/11/2019 – A Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana (Semob), do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), divulgou a seleção de duas propostas no estado do Rio de Janeiro enquadradas no projeto Renovação de Frota de Transporte Público Coletivo Urbano de Passageiros (Refrota 17). A iniciativa, no âmbito do Programa de Infraestrutura de Transporte e da Mobilidade Urbana (Pró-Transporte), vai garantir R$ 27,4 milhões para investimentos em sete municípios fluminenses.

A primeira das propostas, de R$ 18,3 milhões, será destinada à aquisição de 50 ônibus que fazem linhas intermunicipais entre Belford Roxo, Duque de Caxias, Itaguaí, Nilópolis, Nova Iguaçu, a capital Rio de Janeiro e São João do Meriti. A segunda disponibilizará R$ 9,1 milhões para a compra de 25 coletivos para o transporte de passageiros em São João do Meriti.

Refrota

Voltado exclusivamente a operações de crédito para o setor privado, o projeto utiliza recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O objetivo é ampliar a eficiência dos prestadores de serviços de mobilidade urbana e, com isso, melhorar a qualidade de vida da população, além de garantir o retorno dos financiamentos concedidos, conferindo maior alcance às aplicações do FGTS.

Acesse:
Portaria nº 2.788
Portaria nº 2.799

Ouça o boletim de rádio.

registrado em:
Fim do conteúdo da página